sexta-feira, 29 de outubro de 2010

COMPARAÇÃO

Gerana Damulakis

Adoro observar comportamentos, ler histórias, criar histórias (criar histórias que ficam no meu imaginário, elas não chegam ao papel - para tanto, há os escritores) e vou dando mais e mais razão a Oscar Wilde com sua máxima:

A vida imita a arte muito mais do que a arte imita a vida.


Ilustração: Salvador Dalí.

5 comentários:

Kovacs disse...

Acho que sou campeão de criar histórias que ficam no meu imaginário. Principalmente quando caminho da estação do Metrô até o trabalho. Quantos tratados, introduções, romances e até mesmo postagens já não ficaram pelo caminho...

Rayuela disse...

yo sé que tus historias podrían llegar al papel...

besos*

Assis Freitas disse...

Querida, tantas postagens assim na noite, vou degustá-las com calma,


abraço

Mai disse...

Gerana, apenas passei a vista em sobrevoo sobre tuas postagens do ontem. Há muita informação, mas sobretudo o que mais me encantou, foram teus versos.

abraço de admiração

João Renato disse...

Gerana,
Pound dizia que os poetas eram a "antena da raça".
Eu acho que o artista (em geral) está adiante do seu tempo, e, por isso, a vida imita a arte.
Quando o abstracionismo começou, no início do século XX, ele já estava avisando que seria um século complicado.
João Renato.