terça-feira, 29 de maio de 2012

A CAPACIDADE PARA O ORNAMENTO

Até a ciência não pode existir sem a beleza...
Dostoiévski em Os demônios

5 comentários:

Assis Freitas disse...

existir carece de beleza, pois



abraço

Rayuela disse...

encontrar belleza en la ciencia...sí, así debería ser.

abrazo*

João Renato disse...

E somos todos sempre indefesos perante ela.

Ana Tapadas disse...

Prefiro o despojo, a crueza rectilínea...mas é uma verdade, talvez por isso tenha aprofundado estudos no Barroco...ups!

Bj

Bípede Falante disse...

A impressão de beleza é também beleza ou é apenas um simulacro???

Beijoss