terça-feira, 4 de novembro de 2008

ALEIVOSIA



Nilson Pedro






Cuidado com tudo isso
que não te espera,
que tudo isso que não
te espera nada mais é
que teu fado: e eis que
vem vindo algo mais
que à noite não se vê, não se
distingue na floresta
das visagens, das insônias,
dos meandros deste ser
que se desvela.
Cuidado sobretudo com
as palavras que deixaram
de existir.





Nilson Pedro posta no blog BLAG (http://nilsonpedro.wordpress.com/), com entrada nos meus Favoritos. Foto "Palavras...", por Maria Dalva, retirada do Flickr.

4 comentários:

anna disse...

Deu água nos olhos!

pereira disse...

Um poema para ser decorado e dito ou declamado por aí. Beleza, emocionante.

glaucia lemos disse...

As palavras que deixaram de existir, melhor seria que tivessem existido, se saberia qual a carga de emoção de que são feitas. Amor? Desprezo? Vingança? Mágoa? Desejo? Ah! As palavras guardadas...

Nilson disse...

Oi, Gerana, brigado de novo. É sempre uma honra estar por aqui.