quinta-feira, 20 de novembro de 2008

ATUALIZAÇÃO DA ANTOLOGIA


Gerana Damulakis

Na Antologia panorâmica do conto baiano — século XX — (Ilhéus: Editus, 2004), que saiu na Coleção Nordestina nº 37, procurei uma vasta gama de representantes do conto na nossa terra, incluindo até os contistas bissextos, mas que fizeram nome na literatura. Ainda assim, a crítica, isto é inevitável em se tratando de antologias, apontou ausências. Ora, a antologia deixou de fora os autores não nascidos na Bahia, mesmo que aqui tivessem passado boa parte de suas vidas, pois que há de haver critérios. Ausentes estavam Nelson Araújo, Marcos Santarrita, Ayêska Paulafreitas, Judith Grossman e outros, todos inegavelmente contistas cujos textos antológicos são de fácil identificação porque evidentes em suas obras. Desta feita, na atualização, o critério vai gerar mais ausências. Explico: além de conservar de fora os que não nasceram em terras baianas, estão ausentes baianos que vivem no chamado Sul Maravilha e, talvez, em demais maravilhas Brasil afora. Mas a intenção não é suscitar polêmica, é fruto de fatos desagradáveis. Sem invenção, há autores que residem fora da Bahia que expressaram seu desacordo em fazer parte de antologias produzidas aqui. Como em tantas situações na vida, muitos pagam por poucos, não há como fugir da triste verdade. O caminho foi, para não divulgar nomes, optar por não incluir autores que não residem na Bahia.

2 comentários:

Flamarion Silva disse...

Vamos rir dessa tristeza! Quanta gente besta, meu Deus!

gláucia lemos disse...

Nem Cristo agradou a todos, com toda a sabedoria dos SEUS ensinamentos. Moça, faça seu trabalho e só escute o que interessar a seus ouvidos. Conselho de experiência.